Um fato completo está sempre sempre in. O ano passado arrisquei num com saia e blazer da Mango (podem ver aqui e que está num dos meus posts mais recentes - aqui) e este ano perdi-me de amores por este da Zara. Mostrei o blazer nos meus stories e depois não resisti a pedir as calças para casa também. Acho que se pode fazer coisas tão giras com estas duas peças que realmente vale a pena investir nelas! Bom, e quando eu fui à procura dos links para vos dar, vi que as duas peças estão esgotadas (mas em coming soon!) por isso já sabem!! Coloquem lá os vossos emails! :P
Era menina para mandar vir a saia igual se houvesse!
Espero que gostem! :)




Wearing:
Blazer: Zara (here) | Trousers: Zara (here) | Bag: Zara (here) | Shoes: Uterque (here) | Rings: Cinco & and other stories | Sunglasses: Dior | T-shirt: H&M


Quando pesquisei por possíveis fornecedores para os convites, confesso que não achei assim a coisa mais fácil de encontrar alguém que fosse de encontro à estética que eu tinha em mente.
Digo eu, porque o Rafael não tinha grandes requisitos (na altura, agora já tem. Soltou-se durante as reuniões).
Sabia que não queríamos nada com bonequinhos e essas coisas nem nada muito rústico. Queríamos (e queremos) uma mistura entre o clássico e o moderno, e daí, encontrei a empresa da Filipa, etc&co que foi a única que contactamos porque, realmente, foi a que vimos que ia de encontro ao que tínhamos em mente. Claro que os convites são importantes, porque são o primeiro contacto que os convidados vão ter com o nosso casamento, e portanto, queremos algo que reflicta não só a nossa personalidade mas o ambiente do dia também! 
Na minha cabeça estão sempre nnn ideias juntas que nem sempre funcionam bem, e a Filipa é mesmo essencial em todo o processo para nos dizer o que pode funcionar ou não num convite. Deixo-vos algumas das minhas inspirações de seguida. Daqui tirei algumas ideias de cores, texturas, alguns elementos que queria mesmo ter etc. :)

Tivemos então uma primeira reunião onde definimos mais ou menos o estilo e depois o orçamento para o que tínhamos em mente.
Ontem, tivemos a nossa segunda reunião e eu achava mesmo que já íamos sair de lá com a ideia toda definida, mas metam duas mulheres a falar de cores, onde combinar o quê com o quê, e temos uma hora de conversa e um homem totalmente perdido ao nosso lado que às vezes soltava uns grunhidos de "mas eu pensava que gostavas mais assim desta cor" "ah não eu gosto da textura assim no convite" (???) (pronto, o casamento também é dele tem de opinar). 
E, portanto, depois de ontem, poucas coisas se mantiveram constantes no design original. A Filipa é uma querida e dá óptimas sugestões. Temos assim duas ideias que vão ser feitas numa simulação digital para vermos a que gostamos mais. Estamos, então, muito muito curiosos para ver as duas simulações e decidirmos com qual é que vamos avançar. Sim, porque isto do tempo voa. Queríamos começar a distribuir convites talvez em Maio, porque também temos pessoas que vêm de fora, e portanto, queríamos dar alguma margem de tempo. Mas como assim já estamos a passos largos de apenas faltarem cinco meses?

Sempre que publico looks com esta saia recebo mensagens de várias meninas a perguntar de onde é. Pois que é uma das minhas saias mais antigas da Zara, já tem 3 ou 4 anos, e que já sobreviveu a algumas limpezas de armários. Uso-a durante todo o ano - é a beleza das saias plissadas nesta cor e neste tecido metálico - e realmente não me vejo a ver livre dela num futuro próximo. Se pesquisarem pelo blog, certamente que encontraram looks mais antigos com ela :P
Pois que encontrei uma bastante semelhante à venda na Zara! Está nos links no fim do post. Não é igual igual mas o efeito acaba por ser o mesmo! Espero que vos seja útil se estiverem à procura de algo semelhante :)


Cardigan: Zara (here) | Skirt: Zara (old) (similar here) | Shoes: Aldo | Bag: Nina Moniz da Maia | Sunglasses: Dior | Necklaces: Cinco (here) | Rings: And other stories
 Encontrar uns jeans que realmente goste foi sempre daquelas tarefas que julguei impossível. Talvez por andar à procura nos sítios errados para o meu tipo de corpo, não sei, mas nunca gostei de me ver com as calças de ganga da Zara, nem Mango nem nada. 
Descobri há coisa de três ou quatro anos os jeans Farleigh da Asos (que são os meus preferidos de sempre): cintura subida, a perna não é skinny skinny (já lá vai o tempo que achava favorecedor jeans super pegadinhas à perna - agora só uso no Inverno com botas de cano alto). As Farleigh são realmente o modelo que gosto mais. Adaptam-se bem a quem tem algum rabo e perna e cintura mais fina, e o facto da cintura ser bem subida faz com que realmente sejam as minhas preferidas. Verdade verdadinha que já arrastei metade das minhas amigas para este modelo de calças :P
Depois aventurei-me em alguns modelos da TopShop que também estão dentro das minhas preferências: As Orson, as Mom Jeans e as straight leg da TopShop vestem todas muito bem (e as Jamie - o modelo skinny que eu gosto mais para o Inverno para usar com botas - e o modelo mais popular da TopShop). Na realidade, arrisco-me a dizer que onde se encontram melhores calças de ganga para todos os gostos é na TopShop. Tem imensas lavagens diferentes, imensos cortes diferentes e têm a grande vantagem de ter diferentes alturas de perna. 

Recentemente, fui experimentar o modelo clássico da Levis: o 501. Nunca tinha experimentado umas jeans da Levis, mais alguém no grupo? Ora, o que é que eu acho? Acho que comparando com as Farleigh não ajustam tão bem na cintura (ficam com aquela folgazinha atrás na zona da cintura sabem?) mas adoro tudo o resto. A ganga é mais dura, ficamos mesmo com aquela sensação que estamos a usar umas calças de ganga e não uns leggings. Duas das vezes que saí com elas vestidas para jantar com o meu namorado, ele elogiou sempre 😂 até num dia que tinha apenas estes jeans e uma tshirt branca, a coisa mais básica da vida! E ele diz que não sabe bem, mas que realmente estas calças tem qualquer coisa. Eu gosto realmente de as ver assim dobradinhas com saltos. E pronto, isto tudo para vos dizer que finalmente estou bem satisfeita com as jeans que tenho cá por casa. Não me vou por em mais aventuras se as que finalmente tenho em casa resultam tão bem!


Blazer: Zara (here) | Jeans: Levis (here) | Shoes: Zara (old) (similar here) | Bag: Nina Moniz da Maia (here) | Sunglasses: Tom Ford | Top: Mango (old) (similar here or here) | Necklaces: Cinco | Watch: Michael Kors

Achava que já estaríamos no post 3 ou 4 da serie bride to be 3 mas afinal vamos para o 2? Pensava que já vos tinha falado do fotografo e do videografo mas, sendo assim, fica para outro post. Porque hoje vamos falar do noivo. É verdade, vamos dar-lhe protagonismo, bem sei que ele está fartinho de viver na minha sombra ahah!
Ora então como estamos de fato de noivo perguntam vocês? 
Penso que não contei por aqui, mas quem me segue no instagram sabe (ou não) que tive um evento da Penhalta na quinta onde vamos casar em meados de Novembro passado.
Nesse evento,  a que fui com as minhas damas de honor, estavam a sortear um vestido de noiva e um fato de noivo da Penhalta, isto porque, o objetivo do evento era mostrar a coleção da Penhalta para noivos e noivas. Então assistimos a um desfile da marca enquanto nos deliciávamos com a comida óptima da quinta onde vamos casar!
Durante o sorteio, eu estava "nem aí", mas as minhas amigas disseram-me "Adriana toma lá atenção ao sorteio!" e eu "amigas, vocês já sabem que a mim não me calha nada."
Malta, chamaram o meu nome para o fato do noivo! Inicialmente achei que devia ser outra Adriana que não eu 😂 mas depois lá me levantei!

(Deixo-vos algumas fotos do evento lá na quinta onde vamos casar!) 

Durante o evento, também tive contacto com outros fornecedores: A ourivesaria Dara (onde acabámos por comprar as alianças na Exponoivos), alguns serviços de maquilhagem e de cabelos e ainda do Photo Booth que é algo que vamos ter no nosso casamento!

Então, foi isto! Ganhei um "fato" da Penhalta para o Rafael e, portanto, já foi uma ajuda no orçamento e claro que deu imenso jeito! Foi numa altura um pouco conturbada da minha vida e, serviu para me alegrar um pouco também. Olhando para trás, lembro-me que me tiveram de me arrastar de casa para ir ao evento, porque eu não queria ir. A minha mãe ao telefone e o meu pai só a insistir "Vai vai, vai que te vai fazer bem, não fiques aí". Não estava com disposição por andar doente há bastante tempo sem saber bem o que realmente se passava. Por estar fechada em casa há mais de um mês, correr médicos e médicos sem grandes respostas, e passar a vida a fazer ressonâncias magnéticas e com medicação bastante pesada. Mas quando fui, e lá estive, diverti-me e esqueci-me dos problemas, muito por causa das amigas amorosas que tenho. Acredito que também ter ganho o fato, se calhar foi uma recompensa, uma luzinha no túnel para me mostrar que mesmo quando estamos num mau momento, há coisas boas a acontecer. Muitas vezes esqueço-me disso, e acredito que não sou a única.
Portanto, em Fevereiro, marcámos para ir ver os fatos na Penhalta. 
E, não não temos grandes (ou nenhuns) problemas em eu ir com ele escolher o fato. É que eu sou um pouco controladora sabem? E como uma amiga minha diz sinto um pouco de formigueiro nas mãos quando tenho de largar o controlo 😂.
Na verdade, estava com receio que ele escolhesse um fato lilás ou azul turquesa só para me arreliar. Capaz disso era ele, não duvidem!

Gostámos muito de todo o atendimento na Penhalta. Ele experimentou imensos casacos e, à partida, estava completamente fora de questão ele ir de branco e, ao experimentar, excluímos também preto. Apesar de achar extremamente elegante, sentimos que o preto o "fechava" muito. Sempre disse que a cor do Rafael era o cinza e realmente foi para aí que nos virámos (o armário dele é cinza, branco e bege). E o cinza vai muito de encontro à palete de cores que temos pensada já para o nosso casamento (e que vou partilhar convosco em breve também!)
Portanto, eu até vos podia mostrar mais detalhes do fato dele não é? Mas depois no dia não tinha graça nenhuma, contudo...se forem ao meu instagram tenho um highlight chamado wedding onde aparece alguns vídeos dele quando escolhemos o fato. Claro que depois do casamento mostro-vos tudo! :)
O fato que acabámos por escolher excedeu o valor do fato que a Penhalta nos tinha oferecido (ainda assim termos ganho aquele valor foi uma grande grande ajuda para o orçamento do noivo!). Por lá, também escolhemos os botões de punho. Agora temos de escolher só os sapatos e o cinto.
Os noivos são sempre bem mais simples que as noivas não é? Quem me dera que eu fosse assim também ahaha!
Não sei bem em que estação estamos...mas...este fim-de-semana a pessoa apanhou-se sozinha em casa e sem grandes planos para ocupar as horas e, quando isso acontece, dá-me o formigueiro e vou organizar tudo. Ela é gavetas, é roupeiros do quarto, é roupeiro da sala, é sapatos, bom estão a ver não é? Então achei que seria o fim-de-semana indicado para fazer a mudança de sapatos, ou seja, passar os sapatos de inverno (botins, botas altas essas coisas) todas para a arrecadação, e, de lá, trazer as caixas que tenho com todos sapatos mais de Verão (isto porque de roupa já tinha feito mais ou menos no fim de semana passado). Ora, eu estava muito satisfeita por ter tudo organizado...por ter feito uma triagem do que realmente já não estava capaz de usar, por muito que eu queira continuar com as coisas mais cinco anos no roupeiro....Achando que tinha sido mega produtiva e eficiente com tudo mega organizado para começar com os outfits mais frescos, mas enganei-me claro. Pois que no domingo ao final do dia apodera-se de Lisboa uma carga de água que fiquei oi? Desculpe? Como assim? E, depois vou ver a previsão desta semana e temos ora...8, 10 graus de mínima e chuva incluída. Ahh está bom. Tive de ir buscar uns botins à arrecadação só para prevenir. Sim, porque não me vão ver de pezinho ao léu só para anunciar que a primavera está a chegar e quero mostrar tudo o que há nas lojas. Desculpeee-me!!

E posts de casamento perguntam vocês? Bom, lá chegaremos em breve. Já fomos provar o possível menu e saíamos de lá dificilmente pela mesma porta que entrámos. E os convites já estão mais ou menos orientados, vamos ter uma reunião em breve para acertar o design final. Já temos um vestido para uma das damas de o honor. MAS o mais importante: já reservámos a lua de mel!! Algum palpite? :P



I was wearing:
Blazer & skirt: Mango (old) (similar vibe with this two piece set: here and here) | Shirt: Zara (old) (similar here) | Boots: courtesy of Zilian (past season) | Bag: courtesy of Hola Darling (here) | Sunglasses: Celine | Belt: Mango (old) | Watch: courtesy of Rosefield (here) | Bracelets: Swarovski 

Conheci a bridetobe pelo instagram na altura que andava a tentar encontrar o vestido perfeito para mim (essa tarefa que foi complicadinha complicadinha!). Achei logo que os vestidos da bridetobe eram perfeitos aquelas noivas que tinham um registo que ia um pouco fora do tradicional, do que se vê nas lojas mais comuns de noivas e de um registo mais clássico. 
Quando abriram cá o showroom durante umas semanas, tive oportunidade de ver alguns vestidos e surgiu ainda a oportunidade de fotografar alguns deles! Confesso que foi muito giro andar vestida de noiva por Lisboa ahaha! 
A bridetobe existe tem o seu espaço principal em Vigo, Espanha. Contudo, talvez tragam para cá o mesmo conceito :)
Deixo-vos algumas fotos com os vestidos que experimentei. Se há coisa que adoro nos vestidos da bridetobe são umas costas bonitas! E agora, contem-me, com que tipo de vestido é que vocês imaginam que eu vou casar? Algo do género destes que vos mostro hoje ou algo completamente diferente? Quero saber :P
Espero que gostem :)





























Blogger Template Created by pipdig