Monday, 12 February 2018

TRAVEL DIARIES | ROME: THE ETERNAL CITY

Itália sempre foi o país da Europa que quis mais conhecer de Norte a Sul. A quantidade de cidades e zonas que me fazem suspirar quando vejo fotos ou leio livros dá vontade de tirar um mês para correr o país todo. Roma foi a nossa primeira escolha e não podia gostado mais do que gostei. Sinceramente já quero voltar!
Vamos começar pelo início e contar-vos e mostrar tudinho?

Girls, this is a travel diary about our first day in Rome. Since I had a lot of Portuguese girls asking me if I could talk a little bit more about our trip to Rome, I'm writing in Portuguese with a lot of detail! In case you want some kind of information feel free to ask me!
xx


Antes de ir:

Hotel: 
Ficámos num hotel super perto do Vaticano (uns quatrocentos metros) e muito muito central. Adorámos a zona. O hotel era o Dei Consoli na Via Varrone, e sinceramente, escolhemos hotel  essencialmente pelo terraço que tinha uma vista maravilhosa para a basílica (e obviamente o preço era adequado para o que estávamos dispostos a pagar). Nestas viagens, nunca somos muito exigentes com o hotel, porque não temos intenções de passar lá muito tempo. Infelizmente, o terraço estava fechado, sabe-se lá porquê, fiquei com uma neura desgraçada quando soubemos, mas como não passámos lá tempo nenhum ultrapassei a coisa rápido! Não tínhamos pequeno-almoço incluído, mas existia buffet de manhã com um preço de 10 euros por pessoa (e não era preciso pagar isto, porque havia imensas opções mais em conta nos arredores).

Transportes: 
A única coisa que vi antes de ir foi como ia do aeroporto para o hotel. Existem algumas formas diferentes: autocarros (que é o mais barato e demora mais tempo - por volta de 5, 6 euros. Demoram mais tempo e têm uma ou duas paragens durante o percurso. A frequência dos autocarros é (supostamente) de 45 em 45 minutos. Mas estamos em Itália, por isso, contem com atrasos sim, porque é o sul da Europa não é verdade? Existem também comboios, que foram a nossa opção inicial. Demoravam trinta minutos com um custo de 14€ por pessoa e havia um sempre a cada 15 minutos. Parava na estação principal da cidade, a estação de Termini e daí podíamos apanhar o metro até onde fosse necessário. No entanto, e como vou explicar a seguir, acabámos por não usar! Existem ainda os táxis que fazem o trajecto do aeroporto até ao centro de Roma (e vice versa) por 48 euros.

Ah! Vi ainda o valor dos passes de metro - têm por exemplo três dias por 18€. Uma amiga que já lá tinha estado disse-nos que achava que não valia a pena comprar e seguimos o conselho dela. Não usámos metro uma única vez. Andámos sempre a pé e duas vezes de táxi (que têm um preço muito semelhante ao praticado em Portugal) porque era uma urgência!! Depois explico!


Visitas: 
Antes de qualquer viagem tentamos sempre planear o que queremos fazer e em que dias. Pesquisei algumas coisas e marquei algumas visitas específicas antes de ir para evitar filas lá. Recomendo muito mesmo que façam isto! Mesmo em Fevereiro, Roma tinha muita muita gente e filas de horas para entrar nas principais atrações como o Coliseu, Vaticano ou o castelo de Sant'Angelo.  Tendo os bilhetes com hora marcada é muito mais fácil, é mesmo só entrar! Para terem uma ideia mais concreta, no dia que fomos ao Vaticano, marcámos visita para as nove da manhã e a fila para comprar bilhetes já tinha, à vontade, mais de duzentas pessoas. Quando saímos de lá, por volta as onze da manhã não estão a imaginar o tamanho da fila. O mesmo se passou no Coliseu. 


À Chegada:
Como disse na parte dos transportes, tínhamos decidido ir de comboio quando chegássemos ao aeroporto. No entanto, quando estávamos a ir para os comboios fomos abordados por um senhor de transfers que nos sugeriu levar-nos ao hotel por 15€. Tendo em conta que era mais rápido do que o comboio, nos deixava mesmo à porta do hotel e acabava por sair mais barato do que ir de comboio e comprar um bilhete de metro, acabámos por aceitar. Resolvemos deixar logo marcado também para voltar ao aeroporto. Tenham em atenção que se usarem este tipo de transfers, os italianos não são, em regra geral, pontuais. No dia de voltar, estivemos quase a desistir e apanhar um táxi para o aeroporto porque estavam mais de meia hora atrasados relativamente ao horário que nos tinham dito que nos iam apanhar ao hotel. Valeu-nos ter dito que o horário do voo era mais cedo do que realmente era só por precaução. E foi uma chatice, porque achei que não ia chegar ao aeroporto viva pela forma ridícula e perigosa que o homem estava a conduzir (por estar atrasado) para o aeroporto. Ainda por cima com chuva. Senhores, olhem só a ironia se me estampasse no caminho para um avião. Eu que acho que tenho 99% de probabilidades de morrer sempre que entro num avião ahahah! 

Na cidade: 
  • Primeiro dia - Domingo 
Não tínhamos nada marcado para Domingo - até porque muitas coisas estão fechadas - por isso, quando chegámos ao hotel, deixámos as malas na recepção (o quarto ainda não estava pronto) e fomos à procura de um sítio para almoçar. Almoçamos nas redondezas num café-restaurante que foi o menos bom onde estivemos. Em Itália come-se muito bem sem ser necessário gastar muito dinheiro, mas este de facto não era grande coisa e o atendimento também deixava um pouco a desejar. Bom, depois disto voltámos ao hotel, deixámos as malas no quarto, coloquei um bb cream super rápido para tentar cobrir a cara de quem se levantou as três da manhã e lá fomos explorar a cidade!  
Como disse o nosso hotel ficava muito próximo do Vaticano e do castelo Sant'Angelo. Castelo esse que estava com uma fila gigante para entrar no domingo. Não chegámos a ir ao Castelo Sant'Angelo com muita pena minha. Queria conciliar para o dia que tínhamos marcado ir ao Vaticano (porque é muito perto), mas como não sabia quanto tempo ficávamos pelo Vaticano, estava com receio de marcar uma hora e de ser muito em cima. Se há coisa que eu gosto é de não andar com pressa quando estou a ver coisas principalmente pela primeira vez. Quando, por fim, tentámos marcar pelo site para ver o castelo já só havia vagas para sexta-feira. Por isso meninas, marquem tudo com muita antecedência e se quiserem fazer Vaticano e Castelo no mesmo dia contem com umas três horas para os museus do Vaticano e Capela Sistina (que é a coisa mais maravilhosa que já vi na vida - mas falo mais em detalhe no próximo post). Se quiserem entrar na Basílica de São Pedro, comprem os bilhetes antes que a fila é de três horas de espera para entrar! 
Agarrem-me se não eu fico aqui três horas a descrever a cidade! Roma é romântica, majestosa, com arte por todo o lado. É a cidade eterna por muitas razões. A influência de diferentes estilos de arquitectura fazem ser um prazer andar a pé na cidade.  
As zonas imperdíveis de domingo:
Piazza Venezia - uma praça enorme maravilhosa onde voltámos no dia seguinte - tem uma vista panorâmica para a cidade. É uma zona com muito movimento também - semelhante ao Marquês de Pombal mas em esteróides. A subida para a vista panorâmica tem um custo de 10 euros por pessoa. Para nós ficou a 5 euros por pessoa porque têm um desconto para metade do preço até aos 25 anos.
Piazza Navona - dizem que todas as ruas de Roma vão parar a esta praça e com razão - com imensas fontes por todo o lado e restaurantes, tinha imensa gente! (É a praça da primeira foto!) onde voltámos no último dia e almoçamos por lá. 
Fontana di Trevi - Passámos lá já ao fim da tarde depois de ter comido um gelado tão bom por perto. Em Roma há gelatarias a cada esquina e cada uma melhor que a outra. Bom, quando chegamos à Fontana fiquei um pouco incrédula pela quantidade de turistas que estavam por lá. Gente, não dava para mexer, só mesmo visto! Nem cheguei bem ao pé da fonte. Ficou ali decidido que no dia seguinte ia acordar cedinho para apreciar a beleza da Fonte pela manhã sem grande movimento. Mostro no próximo post. Mas confere, é um dos sítios mais bonitos de Roma, um dos meus preferidos. 
Via Condotti - Uma das ruas mais movimentadas de Roma, com as grandes lojas de designers. Esta rua vai dar à Piazza di Spagna, uma das praças mais conhecidas e mais bonitas de Roma. E foi aqui que fomos para fazer uma compra há muito pensada e que não se encontrava em lado nenhum desde setembro. Estava difícil e mesmo assim deu-nos mais trabalho do que pensava! :P 

Agora, uns factos interessantes:
- Roma é muito segura. Todas as praças/avenidas mais movimentadas são cortadas com pessoas do exército armadas. Tudo muito muito seguro! 
- Todos os dias é lançado em média um valor de 3000 euros na Fontana di Trevi, vejam só! 

Acabámos o dia num restaurante que não me lembro o nome, dado que estava demasiado ansiosa para provar a massa, a provar um delicioso penne all'arrabbiata, uma das especialidades italianas!
Espero que tenham gostado deste primeiro post - que na minha opinião é o menos giro de todos ! :P




SHARE:

22 comments

  1. Fotos bonitas e dicas preciosas para próximas viagens! ;)
    Beijinho
    Cris

    www.lima-limao.pt

    ReplyDelete
  2. Que vontade de ir a Ialia, este post esta taoo giro, e a forma como escreves é genial, adoro sempreeeeee! Se para ti este é o menos giro nem quero imaginar os outros!
    beijinho!!!
    catarinarife.blogspot.com

    ReplyDelete
  3. Que post tão útil! Tenho muita vontade de conhecer Roma.
    Tenho que dizer que estás cada vez mais bonita!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Muito obrigada! 🙈
      Roma é linda! Vale muito a pena!
      Beijinho

      Delete
  4. Ai que saudades de Roma.:)

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  5. The view is really breathtaking. Anyway, your outfit looks well put-together.
    I love your camel coat as well.

    www.marliafransiska.com

    ReplyDelete
  6. ai como eu amo a Italia! comeu a carbonara de Roma? é o prato tipico dessa regiao :)
    Pam xo/ Pam Scalfi♥

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sim claro! Estava tão boa! Comi foi só a massa e o molho sem o bacon por não comer carne agora! 😊

      Delete
  7. Podes dizer-me que lente estas a usar aqui? As fotos estão muito boas mas parecem diferentes das que partilhas nos teus posts habituais.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Usei uma 24-70! Para viagem é mais versátil do que a que usamos habitualmente!

      Delete
  8. I want to visit Rome someday- and you look so chic here!

    -Ashley
    Le Stylo Rouge

    ReplyDelete
  9. Your beautiful photos are making me want to visit Rome!

    x
    Shloka
    http://www.thesilksneaker.com

    ReplyDelete
  10. LOVE your outfit ! and it makes me wanna go back to ROMA <3
    Nice pics too :)
    have a wonderful day !
    Olivia Poncelet <3
    www.oliviaponcelet.com

    ReplyDelete
  11. que fotografias lindas! quero imenso ir a roma! x

    Meet me for Breakfast

    ReplyDelete
  12. Roma deve ser linda! Fiquei desiludida com Milão, mas estou bem capaz de dar a oportunidade a Roma!
    Fotos maravilhosas sempre.
    Beijinhos

    Automatic Destiny

    ReplyDelete
    Replies
    1. Nunca estive em Milão, mas muita gente me diz o mesmo que tu! Roma vale muito a pena na minha opinião!
      Beijinhos

      Delete
  13. What a gorgeous place, Rome indeed is such a beautiful city, with lots of picturesque sights and historic places that are truly blog and IG-worthy. ha! Your photos are lovely dear, nicely done!

    Jessica | notjessfashion.com

    ReplyDelete
  14. You look amazing!! Amazing place!!!
    xx
    Mónica Sors
    MES VOYAGES À PARIS
    NEW POST: FASHION EVENT IN BARCELONA

    ReplyDelete
  15. Thanks for your diary and your look is absolutely cool!
    xx from Bavaria/Germany, Rena
    www.dressedwithsoul.com

    ReplyDelete

Blogger Template Created by pipdig